segunda-feira, 11 de abril de 2011

Dumbass

A felicidade é só para a consciência
não existe, não é verdade,
é apenas um estado de demência
para usarmos a palavra saudade,
para acreditarmos que temos vontade
de acordar, de ser mais um dia.
A felicidade alimenta/consome a alma
porque é que o que nos alimenta nos destrói?
no meu ponto de vista
vivemos uma realidade masoquista
logo...
dor é liberdade
morte é felicidade.
Tento perceber a lógica dos sentimentos
mas mais uma vez, não existem,
são palavras que caracterizam momentos,
são estratégias de sobrevivência
são criações da nossa inteligência
para vivermos com algum significado,
lembramo-nos que somos alguém
e que nascemos para fazer o bem.
a verdade é que somos como um camaleão
como elefante, uma baleia ou um leão,
somos apenas um ponto minúsculo de carne
a flutuar numa atmosfera de ideias utópicas,
num mar de sentimentos, num chão de lógicas,
mas damo-nos ao trabalho de escrever isso
pior ainda...
damo-nos ao trabalho de pensar,
de pensar como, quem e porquê
de acreditar
em palavras como felicidade ou amo.
somos os mais burros dos animais
ao pensarmos que os sentimentos são reais.